Deixe que as folhas caiam

top

Desapega das tuas folhas e se prepara para nutrir teu terreno para o próximo cultivo. A vida é ciclo.
No inverno as folhas caem para adubar o solo, logo chega a primavera para te fazer florir novamente!
Por hora… desapega dos teus excessos.
Abundância é uma vibração, vibrar abundância é não viver como se tudo lhe faltasse,
é oferecer ao mundo aquilo que quer que transborde, quanto mais você entrega ao próximo, mais aquilo retorna a você, eis a abundância.
Quer uma vida de paz? Ofereça isso a quem convive ao teu redor.
Quer uma vida de amor? Ame e demonstre isso com carinho.
Quer uma vida feliz? Comece sorrindo por pequenas coisas.
Quer uma vida bela e abundante? Perceba mais os detalhes, vibre nas pequenas conquistas, ame as pessoas, critique menos, compreenda mais, empatia é desapego do ego.
.
Bem-vindo inverno!

Continue Reading

CERTEZAS SÃO PONTOS FINAIS

entreondas

E quem disse que preciso de certezas?

Que as coisas não podem ser como são e pronto,  sem mimimi, sem “provas”.
Simplesmente seguir…. Com dúvidas, com questões, com surpresas!
Sentindo e aprendendo cada dia mais, sem findar os momentos e experiências. Sem se culpar por ainda não saber, ou ter dúvidas.

Quando nos faltam certezas, sobra o movimento da ida, a curiosidade necessária para o aprendizado.
Certezas nos fecham os olhos, ouvidos e coração. Nos tornam faróis que direcionam outros com opiniões e ideias já concretas, mas nunca é visitado por outros barcos, nunca conheceu outros povos, outras histórias de mares. Serei Porto, com ideias e opiniões á oferecer, mas aberta a ouvir e aceitar as novas formas de pensar que vierem.

Tenho certezas na vida, mas não aposto que minhas certezas sejam únicas e verdadeiras.
Escolho sempre como e por onde andar, mas não esqueço de a cada curva, olhar para trás e para frente e se certificar que o caminho que escolhi ainda continua sendo o certo,  desperto minhas dúvidas a cada nova esquina.

E se eu decidi continuar seguindo, saberei que escolhi pela fé no caminhar, e não pela certeza ilusória do destino.
Ninguém sabe ao certo o que há no fim, o agora é tudo que temos, vivo nele e o que vier que venha pra somar mais dúvidas e indagações, pois são elas que me fazem pensar,  seguir em frente e descobrir o que vem adiante.

Certezas são pontos finais, e eu…
…eu sou reticências, desejo o infinito…

Continue Reading

Entre Ondas

entreondas
Deitado aqui, acompanhado da insônia,
te escuto mais perto do que nunca,
fazendo sinfonias com meus pensamentos,
tua voz é grossa, ás vezes rude,
mas ainda assim leve e ritmada.
Sempre esteve aqui,
mas nunca te ouvi tão claro,
não foi por falta de gritar ou
porque o não gritou alto o bastante,
mas foi porque o barulho aqui dentro
fazia com que tua voz passasse desapercebida,
em meio aos gritos sem ordem dentro de mim.
Não sabia a importância que tinha
silenciar o caos em mim e ouvir-te,
sem pretensão nenhuma de te entender,
apenas para que teu ritmo me guiasse
no entendimento de mim mesmo e
a voz dentro de mim se fizesse escutar
ritmada e fluída como tuas infinitas ondas.
Continue Reading

A Montanha

O homem que remove montanhas sempre começa a caminhada retirando as pequenas pedras do caminho. É uma construção diária de força, de foco e de fé nos objetivos. É movimento constante e disciplinado.
Não se nasce gigante, forte, preparado. É preciso ensaio, desenvolvimento e muita persistência no objetivo. É preciso ser semente, brotar, ser planta, ser folha, então florir e desabrochar!
Pra cima!
Não há teletransporte pra essas coisas, evoluir é algo lento, porque precisa de atenção, consciência, presença, precisa de aprendizado. Não é avião, é caminhada.
Movimento.
Movimento. É essa a ação a se tomar. não há evolução sem movimento.
Qualquer movimento, por menor que seja, já é movimento, já é “sair do lugar”, mudar o que era e se tornar algo novo.
Mova-se!
Trace seu objetivo até a montanha. Dê o primeiro passo. O que não pode é ficar parado, inerte, sem vida, esperando a montanha vir até você. Ela não virá. Não funciona assim: sentar e esperar. É preciso movimento!
Mova-se!
Se por ali não está dando certo. Mude.
Mude-se!
Lembra, você não nasceu planta, não nasceu pedra! Há pernas ai.
Mova-se!
Mudanças já são mudanças desde o primeiro passo, e daí o mais difícil já foi feito, agora é só continuar caminhando.
Vai! …Vamos!

Continue Reading